Pesquisar este blog

Traduções

Visitas


Counter

Quem Sou Eu: Fabrício Siqueira

Minha foto
Nascido na cidade de Bom Jesus do Itabapoana, no norte do estado do Rio de Janeiro. Biólogo, Astrônomo amador e autodidata em diversas áreas de conhecimento.

Email:

  • Meu email: phoenixfabricio07@gmail.com

Parceiros

Parceria



Notas do Autor

* O conteúdo dos textos postados nesta página estará sempre sujeito à revisões visando possíveis atualizações a respeito de cada tema postado. Modificações nos textos poderão também ocorrer caso haja a necessidade de corrigir erros que porventura possam estar contidos nas informações aqui publicadas.

* Caso o leitor queira tirar dúvidas ou queira maiores esclarescimentos em relação ao conteúdo das postagens, o espaço de comentários poderá ser utilizado também para este fim .

* Este Blog foi criado visando atingir um público leigo e mediano no que se refere ao conhecimento científico-filosófico e, portanto, informações complexas e detalhadas a respeito de cada tema estão além do escopo desta página. Ao final de muitas postagens são citadas referências e outras fontes para aqueles que buscam um maior aprofundamento em relação ao assunto que está sendo abordado.

* Certas imagens ou vídeos postados nesta página da web poderão conter elementos fortes e inapropriados para algumas pessoas.

2 de jul de 2009

2009: 200 anos de Charles Darwin!


"Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças
" (Charles Darwin)



Ele foi, sem sombra de dúvidas, uma das personalidades mais marcantes na história das ciências nos últimos tempos e o ano de 2009 representa o bicentenário deste Naturalista Inglês que revolucionou o modo pelo qual enxergamos a Biodiversidade no planeta: Charles Robert Darwin. Seu nome usualmente é pronunciado em associação à Teoria da Evolução, na qual a descendência com modificações, ao longo de grandes escalas de tempo e pela "ação" da Seleção Natural, tem originado as mais diversas espécies hoje conhecidas. A teoria representou um marco de fundamental importância para os estudos sobre a vida, contrariando fortemente a idéia da Criação Especial, na qual as espécies teriam sido criadas exatamente como são na atualidade, e de acordo com a Gênese bíblica. Contrariava também a hipótese da transmissão de caracteres adquiridos, utilizada por Jean-Baptiste de Lamarck para advogar a evolução biológica.

Charles Darwin nasceu em fevereiro do ano de 1809, perdeu a mâe ainda na infância e teve a oportunidade de receber o que de melhor havia em termos de educação. Chegou a cursar Medicina, Teologia, Geologia,porém o que realmente mudou a sua vida, foi a viagem no HMS Beagle (Representação artística na figura ao lado), onde teria oportunidade de se dedicar à sua carreira como naturalista, sem mesmo fazer idéia do potencial impacto que provocaria no meio científico. Uma viagem que tinha duração prevista para 2 anos, mas que na verdade se transformou em quase cinco anos de observações, coleta de espécimes e estudos que o auxiliariam a desenvolver a sua teoria.

Percorrendo os mais diversos locais pelo mundo, Darwin fazia análises e anotações das caracteristicas geológicas de cada região, da flora, e especialmente a fauna de cada região. Entre os lugares por onde passou destacamos a Austrália, países da América do Sul (incluindo o Brasil) e Ilhas Galápagos. Todos estes anos de estudos o levaram a concluir que as espécies mais bem adaptadas a cada tipo de ambiente tendem a serem favorecidas em termos de sobrevivência e reprodução, e que os organismos menos adaptados tendem a serem eliminados. Um processo conhecido como Seleção Natural, e que através desta, ao longo da história da vida deu origem à imensa diversidade biológica conhecida.

Mesmo após tantas descobertas, Darwin Levou aproximadamente 30 anos para publicar a sua Teoria. A publicação foi solicitada após ter ficado sabendo que um naturalista chamado Alfred Russel Wallace (hoje considerado por muitos como o co-descobridor da Teoria da Evolução)também trabalhava em algo bastante similar à Seleção Natural. Apesar de seu grande feito, seus trabalhos culminaram por atrair uma série de críticas e controversias. Darwin também foi o autor de obras como "A viagem no Beagle" , " A descendência do Homem e seleção em relação ao sexo" e o mais famoso de todos: O livro entitulado: " A origem das espécies". Casou-se com a sua prima Emma Wedgwood, com quem teve 10 filhos.

O Naturalista faleceu no ano de 1882 deixando uma importante contribuição para muitos trabalhos que ainda estariam por vir e que complementariam a idéia da Evolução por Seleção Natural. Com o advento da genética a sua teoria ganharia ainda mais força, constituindo uma parte fundamental da Biologia. Fica portanto, registrado uma homenagem do autor deste blog a Charles Darwin, uma das grandes celebridades científicas de todos os tempos.

Sugestão de leitura - Darwin's Theory of Evolution:

http://bioweb.cs.earlham.edu/9-12/evolution/HTML/theory.html


[ ]´s

2 comentários:

  1. Fabrício, gostaria de reforçar o papel de Alfred Russel Wallace no desenvolvimento da teoria da evolução. Embora ele não chamasse por esse nome, nem ter criado o termo 'seleção natural', Wallace chegou, independentemente, às mesmas conclusões de Darwin durante seus trabalhos de campo na nova guiné, amazônia e outros locais como naturalista/coletador (diferente de Darwin, Wallace tinha origem humilde e ganhava dinheiro coletando, taxidermizando e vendendo os espécimes 'exóticos' aos museus europeus). Nesse ponto, considero fundamental a pesquisa e observação da variação das espécies aparentadas distribuidos numa região na compreensão dos pricípios evolutivos. E essa foi a característica em comum dos dois: viajar pelo mundo coletando e identificando espécies.

    Outra figura importantíssima: Tomas Huxley, avô do Aldols Huxley, o autor de 'Admirável Mundo Novo', entre outros. Tomas huxley foi o primeiro cientista de carreira e era contemporêneo a Darwin. Ele também tinha origem humilde mas conseguiu estudar história natural. Seu diferencial é que costumava fazer conferências públicas em frente à fábricas dos grandes centros em troca de dinheiro. Ficava lá falando de dinossauros, história natural, bichos bizarros para os peões das industrias. Ganhou notoriedade e foi chamado a dar aula em uma universidade na inglterra e realizar pesquisa científica. Foi portanto a primeira pessoa a receber dinheiro para dar aula e fazer pesquisa em universidades, por isso o primeiro cientista de carreira (no século XIX quem fazia ciência eram os ricos excêntricos que não tinham mais o que fazer). Huxley foi um grande defensor das idéias de Darwin, e lutou mais que ele para a divulgação científica da teoria da evolução e sua aceitação no meio acadêmico. Darwin, que era um homem doente, depois de divulgar suas idéia ficou recluso em sua fazenda, escrevendo, mas longe do debate científico.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Valeu pela contribuição Yuri, ressaltando a importância de outros personagens além de Darwin no contexto da Teoria da Evolução das espécies. Sew fóssemos dissertar com detalhes os grandes nomes (tanto os comtemporâneos de Darwin como também aaqueles que vieram depois)que contribuíram para a força que a TE possui nos dias atuais, presisaríamos de muitas páginas não é mesmo!? rsrs Abraços!=)

    [ ]´s

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails
Ocorreu um erro neste gadget