Pesquisar este blog

Traduções

Visitas


Counter

Quem Sou Eu: Fabrício Siqueira

Minha foto
Nascido na cidade de Bom Jesus do Itabapoana, no norte do estado do Rio de Janeiro. Biólogo, Astrônomo amador e autodidata em diversas áreas de conhecimento.

Email:

  • Meu email: phoenixfabricio07@gmail.com

Parceiros

Parceria



Notas do Autor

* O conteúdo dos textos postados nesta página estará sempre sujeito à revisões visando possíveis atualizações a respeito de cada tema postado. Modificações nos textos poderão também ocorrer caso haja a necessidade de corrigir erros que porventura possam estar contidos nas informações aqui publicadas.

* Caso o leitor queira tirar dúvidas ou queira maiores esclarescimentos em relação ao conteúdo das postagens, o espaço de comentários poderá ser utilizado também para este fim .

* Este Blog foi criado visando atingir um público leigo e mediano no que se refere ao conhecimento científico-filosófico e, portanto, informações complexas e detalhadas a respeito de cada tema estão além do escopo desta página. Ao final de muitas postagens são citadas referências e outras fontes para aqueles que buscam um maior aprofundamento em relação ao assunto que está sendo abordado.

* Certas imagens ou vídeos postados nesta página da web poderão conter elementos fortes e inapropriados para algumas pessoas.

29 de mai de 2009

Inteligência


" A inteligência é uma espécie de paladar que nos dá a capacidade de saborear idéias." (Susan Sontag)


A palavra Intéligência é, segundo Michaelis (Moderno Dicionário de Língua Portuguesa), definida como: 1- Faculdade de entender, pensar, raciocinar e interpretar; entendimento, intelecto. 2-Compreensão, conhecimento profundo. 3- Filos Princípio espiritual e abstrato considerado como a fonte de toda a intelectualidade. 4-Psicol Capacidade de resolver situações novas com rapidez e êxito (medido na execução de tarefas que envolvam apreensão de relações abstratas) e, bem assim, de aprender, para que essas situações possam ser bem resolvidas. 5-Pessoa de grande esfera intelectual.6-Conluio, ajuste, combinação.

Não importando a amplitude até a qual poderia se estender o conceito de inteligência, para nós o que seria exatamente uma pessoa INTELIGENTE? Tenho uma opinião particular de que todos somos inteligentes em determinados pontos, enquanto que em outros nossa inteligência é mais empobrecida. Assim coloco a inteligência como sendo um atributo relativo, variando de indivíduo para indivíduo tanto qualitativamente quanto quantitativamente. Por exemplo, uma pessoa pode ser explêndida trabalhando com as palavras, mas deficiente em relação a números. Outra pode pintar maravilhosas telas em óleo, mas em relação à música ela perde para uma outra, que consegue criar e executar com perfeição verdadeiras sinfonias no violino. E assim por diante....

Me lembro perfeitamente que quando criança, eu costumava observar um de meus tios (naquela época, um jovem que a tempos tinha abandonado os estudos) trabalhando em uma oficina de automóveis que pertencia ao meu avô (hoje falecido). Via que ele possuia uma grande destreza no trabalho que fazia, e, logo, deveria ter bastante conhecimento sobre consertos em motores de partida, dínamos, alternadores, condutores elétricos automotivos, etc. Além disso, o que me surpreendia, era o que ele fazia na oficina quando não havia clientes ou depois que o expediente terminava: Ele tinha como passatempo, o que eu diria ser "a arte de construir robôs de lata". Era simplesmente fantástico.

Grandes latas de óleo lubrificante vazias, alguns motores elétricos, fios, lâmpadas e interruptores colocados em caixinhas feitas de madeira somado ao seu conhecimento em eletricidade (que não veio da escola, pois ele não chegou a concluir nem mesmo o ensino fundamental básico), se transformava em surpreendentes criaturas de metal, que possuiam dois terminais para os pólos de uma bateria e um controle remoto primitivo que consistia de uma caixinha de madeira com botões e com fio. Um desses robôs tinha até um "braço" que era feito com uma antena elétrica para automóveis com um imã na ponta, e que quando se apertava um botão ele se esticava e com outro botão ele poderia se deslocar até outro lugar e pegar uma ferramenta por exemplo. Inclusive, cheguei até a daníficar uma de suas criações quando tentei ligar os terminais em uma tomada de 110 volts (risos). Atualmente esse meu tio tem uma grande oficina, um bom número de funcionários, além de muitos clientes.

O exemplo acima, mostra que mesmo uma pessoa não tenha obtido conhecimentos provenientes de uma educação escolar, sempre poderá haver algo que entenderá ou executará com precisão, o que eu chamaria de aptidão inata. Isso também é um sinal de inteligência! Somos ignorantes por um lado, e inteligentes por outro; temos dificuldades em aprender certas coisas, e facilidade em outras; podemos nos dar bem em uma avaliação escolar de Geografia, mas obter uma nota baixa em Língua Portuguesa (mas professora, portugueza se escreve com "S" ou com "Z" no final??).

Assim como somos todos ÚNICOS como seres humanos, possuindo diferentes opiniões, diferentes costumes, diferentes conhecimentos, também temos diferentes tipos de inteligência e, dentro deste contexto, não há aqueles que estejam desprovidos dela, embora, como já foi dito antes, ela possa ser uma variante entre as pessoas. E mesmo que sejamos inteligentes em alguma coisa, não é sempre que pensamos de maneira inteligente, falamos de maneira inteligente, sentimos de maneira inteligente ou, principalmente, agimos de maneira inteligente. Bem aventurados sejam os que sabem cultivar com paixão, a inteligência que há em seu próprio ser.


Leitura sugerida:

A Teoria das Inteligências Múltiplas e Suas Implicações Para a Educação:

http://www.homemdemello.com.br/psicologia/intelmult.html



[ ]´s

Um comentário:

  1. Concordo plenamente com essa pluralidade de inteligências. Infelizmente, as pessoas tendem a acreditar na visão tradicional sem considerar os diferentes tipos de inteligência que existem.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails
Ocorreu um erro neste gadget